Translate this Page
Enquete
Qual assunto você prefere ?
Mesas de Som
Microfones
Equalizadores
Frequências
Caixas Acusticas
Ver Resultados

ONLINE
2



 

 


TABLATURA


                                                                      TABLATURA

 

Tablatura (ou tabulatura) é uma forma de notação musical, que diz ao intérprete onde colocar os dedos em um determinado instrumento em vez de informar quais notas tocar.

A tablatura é na maior parte da vezes (mas não exclusivamente) encontrada para instrumentos de cordas trasteados, em cujo contexto é geralmente chamada, no universo anglo-saxão, pela forma reduzida tab (exceto para alaúde). É frequentemente usada para violão, guitarra elétrica, baixo elétrico, alaúde, arqui-alaúde, teorba, angélique, mandora e vihuela, mas em princípio pode ser usada para qualquer instrumento de cordas trasteados, inclusive o ukulele, o bandolim, o banjo e a viola da gamba - assim como muitos aerofones de palheta livre como a harmônica. Enquanto atualmente a tablatura é mais usada para notar música rock e pop, é frequentemente vista na música folclórica e era muito comum na Europa durante os períodos da renascença e do barroco. (No contexto da tablatura moderna para guitarra ou violão, a notação musical padrão é geralmente chamada de 'notação na pauta' — apesar das tablaturas também serem escritas em uma 'pauta').

Três tipos de tablatura para órgão também foram usadas na Europa: a alemã, a espanhola e a italiana. Existem também vários tipos de tablatura para ocarina.[1] Tablatura para harpa também foi usada na Espanha e no País de Gales. Um uso alternativo (alguns diriam incorreto) da expressão inglesa tab é comum na Internet, e se refere às chamadas cifras (para a harmonia), ou às notas (para a melodia).

Conceitos

Enquanto notação musical padrão representa o ritmo e a duração de cada nota e a sua altura relativa à escala baseada em uma divisão em doze partes (tons) da oitava, a tablatura é mais 'operacional', indicando quando e onde colocar os dedos para gerar uma nota, de forma que a altura é denotada implicitamente. Os símbolos rítmicos da tablatura dizem quando iniciar uma nota, mas quase nunca há uma indicação precisa de quanto tempo ela deve durar, então, a duração fica muito mais a critério do intérprete do que na notação convencional. Por isso é comum dizer que a tablatura é uma notação prescritiva e a notação convencional (em pauta), descritiva.

 

A tablatura para cordas pinçadas é baseada sobre uma representação em diagrama das cordas e trastes do instrumento. A de teclado mostra as teclas do instrumento e a de flautas mostram que furos devem ser mantidos abertos ou fechados.